Fazer acontecer em Nova Iorque

Era uma vez uma menina que queria aprender a falar inglês fluentemente e decidiu se jogar em um intercâmbio para os Estados Unidos. Chegando lá ela se apaixonou por Nova Iorque e decidiu que teria que ficar lá por mais tempo pra aprender outras coisas além do Inglês. Essa é introdução da minha história em Nova Iorque. Cheguei aqui novinha, sem muito conhecimento do lugar, sem grandes pretenções, mas me encantei muito rápido pelas oportunidades que somente vi aqui. No começo eu achava que ia ser tudo lindo, iludida pelo Sexy and the City e Gossip Girls, mas na realidade viver aqui não é nada fácil. O inverno é muito frio, o aluguel é muito caro, o metro é fedido, e as pessoas não são muito simpáticas ou legais. E chega uma hora que isso começa a cansar. 
Nos últimos meses eu tenho vivido um caso de amor e ódio com essa cidade. Tem hora que só consigo me perguntar: O que eu to fazendo aqui? Mas tem horas que estou morrendo de amor por esse lugar que nunca para. Existe algo nas ruas, nos prédios, e nas luzes, que me dão a sensação de que aqui eu posso fazer acontecer tudo o que eu quiser. Que se eu tiver coragem e garra pra correr atrás posso alcançar todos os meu desejos. E esse sentimento é o que mantém a minha criatividade e sonhos vivos. Quando começo a me sentir fadigada e desencorajada, tento esquecer um pouco as coisas ruins e focar só na parte boa. Encontro com os meus amigos, faço fotos com a Lindsey, como uma comida gostosa, ligo pra minha mãe, e aos poucos vou revitalizando as minhas energias. Porque eu sou brasileira e não desisto nunca! Só saio daqui quando alcançar todos os meus objetivos pra esse lugar. 

Dress: Asos | Bag: Melie Bianco | Boots: Stuart Weitzman

Raquel Paiva

Brazilian fashion and lifestyle blogger based in NYC